Os Tipos de Abelhas

Os tipos de abelhas sem ferrão tem três tipos básicos de indivíduos: as rainhas (poedeiras ou virgens) e as operárias – ambas fêmeas – e os machos.

Os tipos de abelhas sem ferrão – Existem nas colônias dos meliponíneos três tipos básicos de indivíduos: as rainhas (poedeiras ou virgens) e as operárias – ambas fêmeas – e os machos.

As rainhas poedeiras realizam a postura dos ovos que dão origem a todos os tipos de abelhas. São também responsáveis pela organização da colônia, comandada por um complexo sistema de comunicação baseado no uso de feromônios.

Normalmente uma colônia possui apenas uma rainha poedeira, mas existem relatos da existência de colônias e espécies com duas ou mais.

Rainha de abelha Uruçu-Nordestina
Rainha de abelha Uruçu-Nordestina
Rainha da abelha Jandaíra
Rainha da abelha Jandaíra

O mecanismo de formação das rainhas é a principal diferença entre os Meliponini e os Trigonini

Entre os cientistas, existem diferentes conceitos sobre o processo biológico que determina o nascimento de rainhas em colônias de meliponíneos. Entre as diferentes espécies, inclusive da mesma tribo, também há pequenas variações. Entretanto, existe um parâmetro básico que define a formação de rainhas e determina a principal diferença entre os grupos Meliponini e Trigonini.

Nas espécies da tribo Meliponini, não há construção de células reais. Todas as células de cria são iguais. A determinação do número de rainhas que nasce, entre todos os ovos disponíveis, é definida por uma proporção genética.

Já as abelhas da tribo Trigonini constroem células reais, que possuem tamanho bem maior que as células comuns. Por conta deste tamanho, as larvas que se desenvolvem nesse tipo de célula recebem mais alimento, o que determina a formação de uma nova rainha virgem.

Essa diferença deve ser assimilada pelo meliponicultor principalmente na aplicação dos métodos de divisão artificial de colônias, os quais serão detalhados em nosso post sobre Divisão de Colônias.

As rainhas virgens são poedeiras em potencial e estão sempre disponíveis nas colônias para uma eventual substituição da rainha poedeira em caso de morte ou enxameagem. Podem chegar a representar 25% dos indivíduos de uma colônia.

Os machos são indivíduos reprodutores e vivem basicamente para acasalar com rainhas virgens. Entretanto, diferentemente das abelhas Apis mellifera, podem realizar alguns pequenos trabalhos, como a desidratação de néctar e a manipulação de cera.

Operárias de Uruçu-Nordestina
Operárias de Uruçu-Nordestina

As operárias são responsáveis pela grande força de trabalho da colônia. Elas cuidam da defesa, manipulam os materiais de construção, coletam e processam o alimento. Representam a maior parte das abelhas de uma colônia, podendo chegar a mais de 80% dos indivíduos.

fonte: Manual Tecnológico Mel de Abelhas sem Ferrão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *